0800 77 12 155

Gaúchas Car agora é Mulheres V8!

Gaúchas Car agora é Mulheres V8!

Para contar rapidamente como é que tudo começou, vamos voltar num passado nem tão distante: estávamos então isolados, em plena pandemia e uma gauchinha de nome Eva Paiva, que então trabalhava em uma oficina, na parte administrativa, já que é contadora por formação, resolveu montar um grupo de WhatsApp, com o nome de Gaúchas Car, por estar no Rio Grande do Sul e também por ser o nome da oficina do pai, e convidar outras mulheres do setor de reparação e da região para participar, com o objetivo de facilitar a troca de informações, aumentar o relacionamento e diminuir a solidão empresarial naquele momento tão incerto e complicado para todas.

Eis que o grupo foi a cada dia tendo mais gaúchas, de repente paranaenses, catarinenses, paulistas e de 30 e poucas mulheres que iniciaram o grupo, elas romperam fronteiras e barreiras e atualmente são mais de 450 integrantes, já espalhadas por todo o Brasil. Saíram do mundo virtual e passaram para o real, transformando o Gaúchas Car numa empresa…e que recentemente, por já estarem muito além do seu estado de origem, amadureceram como empresa, firmaram parcerias com grandes indústrias, estão se reposicionando no mercado como marca e agora também como uma “startup” de inclusão e capacitação de mulheres, dando voz e espaço para elas como Instituto Mulheres V8, ou simplesmente, Instituto MV8 que já nasce com mais de 1.000 mulheres impactadas através do conhecimento sobre peças, serviços, gestão e muito mais!

Além disso, por serem uma startup, elas podem coexistir em espaços físicos de outras empresas e o Instituto MV8 ganhou seu espaço no Instituto Caldeira, um parque tecnológico localizado na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

 

Mas por que Mulheres V8?

Quem gosta de carros, com certeza já ouviu falar nos motores V8, assim chamados por conterem 8 cilindros em duas linhas de 4 cilindros, geralmente formando uma letra V e lembrado como sinônimo de diferenciação, força e potência. Tudo a ver com essas mulheres maravilhosas, concorda?

Além do Instituto MV8 “presencial”, também agora tem o Mulheres V8 Club, no formato virtual, para aprendizagem contínua de toda a comunidade, com a entrega de muitos benefícios especiais para as mulheres que se associarem. Nessa modalidade, é cobrado um valor fixo de mensalidade para que possam ser reinvestidos na formatação de conteúdo para fomentar o Club com materiais exclusivos.

Além disso, tem o podcast “Mulher Pod”, que pode ser ouvido no Spotify ou assistido pelo YouTube, em que convidadas do universo da reparação ganham espaço para contar sobre suas histórias e ainda o grupo virtual “Mulheres de Luz”, oferecendo cuidado emocional e espiritual, com orações e apoio motivacional para as mulheres, além claro, da mentoria com a fundadora do MV8, Eva Paiva.

Outra novidade é que o Instituto Mulheres V8, com sua fundadora Eva Paiva, não vai conseguir estar em todos os lugares ao mesmo tempo. Por isso, serão eleitas líderes regionais e em São Paulo já temos a Girlene Lima, em Pernambuco a Fernanda Valdevino e em Santa Catarina a Maria Oliveira.

A função das líderes regionais será de promover em suas proximidades, ações em conjunto com parceiros e mantenedores que leve os princípios do Instituto Mulheres V8 também para outros estados, tornando possível a multiplicação de conhecimento e formação de mulheres no segmento da reparação por todo o Brasil.

 

De patrocinadores a mantenedores

Um dos intuitos da formação do grupo, como dito anteriormente, é a troca de informações e conhecimento.

Com o crescimento e a profissionalização do Mulheres V8, tornando-se uma empresa, fica mais fácil buscar patrocínio de indústrias que possam ajudar com palestras, com visitas à fábrica, com disponibilização de material, com encontros presenciais e agora, nessa nova formação, esses patrocinadores passam a se chamar “mantenedores”, pois são eles também que ajudam a manter o andamento da empresa que o grupo se tornou.

Como mantenedora, a empresa que apoiar o MV8 terá também retorno em termos de entrega de conteúdo com produtos da marca, elaborado pelas integrantes do Instituto, terá exposição da sua marca em todos os eventos do grupo, poderá estar mais próxima das integrantes e realizar trabalhos, palestras, visitas, divulgações de forma facilitada.

“Para nós da SABÓ é muito importante estarmos próximos de grupos como o Gaúchas Car, agora Instituto MV8, porque vem muito de encontro com o que prezamos muito: relacionamento com o setor.

Apoiamos tantos grupos com formação majoritariamente masculina, saber que agora temos representantes femininas também na reparação, nos enche de orgulho e representatividade!”, declara Daniella Carrer, do Departamento de Marketing da SABÓ.

Atualmente, além da SABÓ, o Instituto MV8 conta com o apoio da Kolbenschimit(KS), Mahovi, Paraflu e da Volda.

 

Iniciativa ESG

Para as empresas mantenedoras, também é muito inspiradora a participação no Instituto Mulheres V8, pois ele se enquadra como uma iniciativa ESG, essa que tanto ouvimos falar ultimamente, que busca ações que beneficiem o meio ambiente e a sustentabilidade, o lado de auxílio social e a governança das indústrias. No caso do Instituto, o enquadramento fica na parte social, com o foco na inclusão, equidade de gênero e capacitação para mulheres.

“Começamos sem maiores intenções, apenas como um grupo de apoio para as mulheres do setor e hoje vejo transformações e sonhos realizados.”, explica Eva Paiva, idealizadora e fundadora do Grupo Gaúchas Car e Instituto Mulheres V8. “Claro que foi muito aprendizado, muito amadurecimento para mim também e com certeza sem o apoio de todas essas mulheres e de nossos patrocinadores e parceiros, não teríamos chegado até aqui.

E aguardem que para 2024 ainda teremos muitas novidades acontecendo!”, encerra Paiva.

Quem quiser entrar fazer parte do Instituto MV8 ou ser mantenedor do grupo, basta entrar em contato direto com a Eva Paiva, através do Instagram www.instagram.com/mulheresv8 ou pelo telefone: (51) 8157-8944.

 

Texto: Paula Skoretzky / PSC Comunicação – Assessoria de Imprensa SABÓ
Foto: Divulgação

Compartilhe esta notícia

Categoria

Recentes

Pesquisar artigos do caderninho Sabó
Notícias Relacionadas