0800 77 12 155

Protetor de cárter: ter ou não ter, eis a questão

Protetor de cárter: ter ou não ter, eis a questão
PROTETOR DE CARTER Ter ou Não ter

Batidas, pedras, um buraco na pista, situações muito comuns e corriqueiras no trânsito podem raspar ou bater a parte inferior do carro e, eventualmente, danificar o reservatório de óleo, também conhecido como cárter. A solução? Um protetor de cárter. Mas qualquer veículo pode ter esse acessório?

Um buraco mais profundo, uma pedra ou mesmo uma batida mais forte contra um obstáculo sob o veículo. Pronto. Uma situação simples e até bastante comum nas ruas e estradas esburacadas pode ter como consequência um dano na tampa ou no bujão do cárter e o óleo começa a vazar.

Se o motorista não perceber o ocorrido ou insistir em continuar rodando, o motor pode até fundir e, além de ser obrigado a parar, a despesa será bem maior.

Localizado sob o carro, na parte inferior do motor fica o cárter, um reservatório vedado e estanque onde fica depositado o óleo que lubrifica o motor e o pescador da bomba de óleo.

Ao sofrer um impacto mais forte, esse reservatório de óleo pode ser danificado, amassado ou entortado e isso cria espaços entre o bloco do motor e cárter, por onde o óleo pode vazar.

Nota da Redação: se quiser saber mais sobre os riscos de danos ao cárter por impactos e batidas, acesse a nota sobre o assunto no Caderninho SABÓ. Clique abaixo:

sabo-btn

Pensando nisso, foi criado o protetor de cárter, que nada mais é do que uma chapa metálica instalada abaixo do motor, a fim de proteger este reservatório. No entanto, esse não é um item obrigatório e nem todos os veículos vêm (ou vinham) equipados com essa chapa, sendo que a instalação da peça é um opcional e cabe ao cliente decidir se quer ou não instalar em seu carro.
Mas a dúvida do cliente é saber se deve instalar ou não o protetor de cárter? E mais, todos os veículos podem ter protetor de cárter? Essa peça tem que ser trocada periodicamente? Veja as respostas a estas e outras perguntas.

Vantagens – Ele protege não apenas o cárter, mas, dependendo do modelo do veículo e do protetor de cárter, também outros sistemas e componentes instalados na parte inferior do carro, tais como a caixa de câmbio, componentes da suspensão e do motor, radiador e mangueiras do sistema de arrefecimento, parte do escapamento e outros.

sabo11

Outra ação do protetor de cárter é evitar que parte da sujeira e dos detritos das ruas e estradas alcancem o motor, uma vez que impede que ela passe, podendo, inclusive, aumentar sua vida útil.
Desvantagens – Nem todas as montadoras recomendam o uso do protetor de cárter não original em seus veículos. Algumas afirmam que pode ser prejudicial no caso de colisões frontais, pois essa chapa de aço interferiria na deformação programada do chassis e haveria risco do motor ser empurrado contra a cabina dos passageiros ao invés de ir em direção ao chão, como foi projetado na fábrica.

Outro ponto negativo citado é a dificuldade gerada para a circulação de ar dentro do cofre do motor, pois uma placa de aço reduz a exposição da parte inferior do veículo ao ambiente. Sem considerar que os reparadores passam a ter mais um componente para ser removido antes de realizar alguns serviços sob o veículo.

O fato é que eles realmente protegem o veículo contra choques na parte frontal inferior do veículo e essa é uma situação muito comum nas grandes cidades e estradas e as condições de pavimentação das vias não ajudam em nada neste sentido.

Importante: nem todos os veículos saem das montadoras com o protetor de cárter e cada veículo tem seu protetor de cárter específico. Quando é oferecido como acessório, os especialistas da concessionária ou revenda devem identificar se o veículo já possui pontos adequados para fixação do acessório, como furos roscados, prisioneiros com rosca ou buchas, ou ainda alojamentos previstos para estes tipos de fixadores.

sabo12

Se o veículo não possui esses pontos pré-definidos para instalação do protetor de cárter será necessário verificar quais pontos serão utilizados na fixação do mesmo, para garantir o bom desempenho do acessório e não causar danos estruturais que comprometam a segurança do veículo.

Os protetores vendidos como acessórios são oferecidos em distribuidores, lojistas e concessionárias e devem ser instalados em lojas autorizadas ou oficinas mecânicas com profissionais treinados e capacitados.

É fundamental adquirir um protetor de cárter garantido pelo fabricante quanto aos pontos de fixação adequados, qualidade na chapa utilizada e dos pontos de solda aplicados, itens fundamentais para garantir proteção sem interferir no desempenho do motor.

Não há necessidade de substituir o protetor, exceto em casos onde ele esteja amassado, em más condições ou com a fixação danificada.

Compartilhe esta notícia

Categoria

Recentes

Pesquisar artigos do caderninho Sabó
Notícias Relacionadas
slide ebook belas peruas elegantes
E-book

Belas e elegantes peruas!

Elas já foram sucesso e preferência na escolha dos motoristas. Hoje, estão em extinção e poucas delas ainda são produzidas fora do Brasil. Conheça alguns

Leia mais »