Coronavirus: sua empresa também está nessa luta!

SAB_0029_20_Imagem_materias_COVID-19_72dpi

Coronavirus: sua empresa também está nessa luta!


Todas as empresas e pessoas já adotaram cuidados extras de higiene para evitar a propagação do novo coronavirus/Covid-19. E a sua oficina ou comércio de autopeças como está se cuidando? A SABÓ destaca algumas práticas para cuidar da sua saúde, seus colaboradores e seus clientes

O que começou como uma ameaça, virou uma situação compulsória. A rápida propagação do virus transmisor da Covid-19 chegou e obrigou todos a redobrarem seus cuidados com a limpeza e higiene pessoal, dos ambientes e de todos os utensílios e objetos de contato e manipulação.

Com certeza os proprietários de veículos e responsáveis por manutenção de frotas e serviços de transporte estão receosos de manter contato físico com prestadores de serviço e comércio de produtos e isso é perfeitamente compreensível neste momento.

Mas os veículos continuam apresentando problemas e precisam de reparos ou serviços preventivos e sua empresa também precisa continuar trabalhando. Afinal, seu trabalho é essencial para manter os profissionais da saúde trabalhando, as prateleiras dos supermecados abastecidos pelos motoristas de carga, os caminhões de transporte de combustível rodando e diversos outros profissionais e empresas que não podem fechar as portas.

O que fazer? Nossa sugestão: seja proativo e criativo!

Não basta fazer, tem que mostrar o que está fazendo

Seu cliente deve se sentir seguro ao solicitar seus serviços. Comunique-se com ele e informe o que está fazendo para aumentar as condições de higiene e limpeza de suas instalações. Use os canais eletrônicos, como redes sociais, mensagem eletrônicas e ambientes virtuais para atualizar seus clientes sobre quais providências adotou para deixar sua empresa segura e com menor possibilidade de contaminação.

Ofereça opções ao cliente da oficina

Seu cliente não quer sair de casa? Não tem problema, você oferece o serviço leva e traz.

Ele quer levar o veículo mas tem receio de contato com outras pessoas? Tranquilo, agendamento de entrega do veículo em horários de baixa frequência ou extra horário comercial. Você mesmo ou um funcionário bem instruído e com todos os equipamentos de proteção (máscara sobre a face e luvas) pode fazer a recepção e preenchimento da Ordem de Serviço.

Ele tem medo que seu carro seja contaminado: mostre a rotina de limpeza que será aplicada ao veículo (externa e internamente) na recepção e entrega do veículo.

Recomendações ao comércio de autopeças

O cliente não precisa (e não deve) vir ao seu balcão, afinal sua empresa está trabalhando apenas com compras a distância e entrega remota, certo.

Informe as oficinas e reparadores parceiros que intensificou os cuidados com o manuseio e entrega de encomendas e coloque a disposição seus canais de contatos, como telefones, rádio, e-mail e aplicativos de mensagem.

Dê preferência aos pagamentos via transferência eletrônica ou boletos para pagamento via internet banking. Se o cliente exigir o pagamento via máquina de cartão, faça a limpeza do teclado com alcool isopropílico na frente do cliente antes e depois do cliente usá-la e use luvas descartáveis para manuseá-la. Isso vale para as as empresas de reparação também.

Cuidados nas atividades do dia-a-dia

Estas melhorias devem ser adotadas no seu estabelecimento para higiene pessoal, limpeza e saneamento de suas instalações, mesmo que você considere que sua empresa está bem limpa e higienizada.

    1. Elimine o contato físico, como apertos de mãos e abraços, e evite o compartilhamento de ferramentas ou outros utensílios e objetos de trabalho entre seus funcionários;
    2. Tenha dispenser ou frascos de álcool gel para higiene das mãos em diversos pontos do estabelecimento;
    3. Mantenha sanitários limpos e com sabonete germicida nos lavatórios;
    4. Limpe os locais de acesso e utilização comum a todos, como balcões, interruptores de iluminação, maçanetas, torneiras, máquinas de cartão de crédito, telefones, espaço de café e sala de espera, cozinha, vestiários e sanitários, braços da cadeira, mesas especialmente nas áreas de uso comum, botões de acionamento de elevadores, ferramentas e tudo que puder ser tocado;
    5. Equipamentos, teclados de computadores, aparelhos de rádios e celulares devem ser limpos com produtos adequados, para descontaminação e segurança do cliente e de sua equipe.

Importante: seu cliente não apenas deve saber o que estão fazendo, mas também ver que está sendo feito. Tenha pessoas responsáveis pela limpeza fazendo isso em intervalos regulares para que os clientes vejam a limpeza se forem à oficina ou envie vídeos e imagens dos trabalhos de limpeza sendo realizados para que ele acompanhe.

Limpar e descontaminar os veículos

Não é apenas seu cliente que deve ser preservado, mas também você e sua equipe.

Ao receber o carro entregue pelo cliente faça a limpeza dele antes de manter contato com maçanetas da porta, chaves ou qualquer área externa ou interna.

Use luvas descartáveis para o primeiro contato com o veículo e faça uma higiene nos pontos de maior possibilidade de contaminação. Nossa sugestão de sequencia é:

  • chaves,
  • maçanetas das portas,
  • volante,
  • alavanca de câmbio e
  • painel.

Em seguida faça a proteção habitual das áreas de manuseio durante os trabalhos de manobra e reparação do veículo. Proteja as partes internas de contato no interior do veículo, com produtos como capas e filmes plásticos e, sempre que possível, use luvas.

Evite tocar o rosto durante os serviços, use lenços de papel para limpar olhos, nariz ou outra parte do rosto e descarte-os imediatamente no lixo.

Após fazer a manutenção do veículo do cliente, faça a assepsia das chaves do veículo e todas as áreas do interior em que seus funcionários tenham tocado, como maçanetas, volante, alavancas de câmbio e do acionamento do freio de estacionamento, além dos botões e acionadores dos vidros.

Na devolução do veículo, use luvas descartáveis para assegurar ao cliente que após a desinfecção geral do veículo ninguém teve contato com as partes de contato antes do cliente naquele momento. Se preferir, quando for entregar o veículo ao cliente, faça a desinfecção na frente dele.

Lembre-se: ele deve ver seus cuidados com higiene e segurança da saúde dele.

Hábitos saudáveis

Prevenção é palavra chave. Como o novo coronavírus é transmitido por meio de partículas de secreções respiratórias, alguns cuidados básicos de higiene devem ser tomados para reduzir o risco de transmissão e contágio. Por isso, oriente seus clientes e colaboradores a adotar práticas preventivas como:

Lavar adequadamente as mãos várias vezes ao dia, evitando levá-las aos olhos, nariz e boca. Se as mãos não estiverem visivelmente sujas, basta esfregar com água e sabão por volta de 30 segundos. Caso contrário, o tempo de lavagem deve ser aumentado para cerca de 50 segundos.

Álcool em gel também pode ser usado com frequência ao longo do dia;

Não compartilhar objetos pessoais, como talheres, toalhas, pratos e copos;

Manter distância de pelo menos 1,5 a 2 metros de qualquer pessoa;

Evitar aglomerações e frequência em espaços fechados e muito cheios;

Manter os ambientes bem ventilados;

Estímule o uso da máscara no trabalho e fora dele. Ela é indispensável nos momentos em que for inevitável falar com outras pessoas.

Lave bem a oficina após o fim do expediente, cuidando para realizar uma boa limpeza dos pontos de contato e deixá-la pronta para o dia seguinte.

Ao entrar na oficina, antes de tocar em qualquer coisa, lave bem as mãos e só depois comece a trabalhar. Se tiver que sair, na volta, lave novamente as mãos.

Não está fácil e não será fácil, mas com cuidados e se cada um fizer a sua parte, os resultados serão melhores. Vamos colaborar?

Conte o que está fazendo em sua empresa. Compartilhe e estímule outros a adotarem práticas de higiene. Afinal, você e sua empresa são serviços essenciais e fazem parte de um grupo de profissionais que não podem parar!

Compartilhe!